Wednesday, May 15, 2013

CONFESSO: CANSEI! MEU TOTAL ESGOTAMENTO É IRREMEDIÁVEL.


É quase insuportável. Diria que é insuportável. Perdoem-me, mas...

Estou cansado, esgotado, minha alma precisa confessar, se rasgar e abrir-se em verbo. Gritar em catarse, aliviar o peso e contar para quem quiser ouvir: cansei!

Sinto-me cansado da insistência vergonhosa de quem não quer ver que as coisas mais claras diante dos olhos são as vezes tão óbvias que se tornam invisíveis. Dentre elas, ao menos para mim, a principal é a vertiginosa distância entre o Evangelho e a religião, seja esta qual for. Cansei. Quem quer ouvir a Verdade? Onde estão os que não se ofendem com quem não mente, manipula ou se põe à venda? Quem suporta um ser humano normal, sem capa ou máscara,em um mundo onde super-líderes-heróis são altamente rentáveis? Quantos estão dispostos a encarar a sinceridade, a autenticidade sem o show dos milagres cenográficos, sem um amontoado de promessas?

Estou assim, esgotado. Enquanto alguns insistem em defender o indefensável, me esgota a sensação de que o idiotismo é a qualidade da vez, é o ópio, a erva maldita da alienação ou do corporativismo político-religioso.

Confesso: cansei. Há anos que estou assim. Não é amargura, é esgotamento. Agora é irremediável, não há mais volta.

Cansei das barganhas em nome da fé, cansei dos esforços em se fazer celebridade a qualquer preço, tornei-me enojado de qualquer autopromoção. Cansei de ver que pensadores são tratados como danosos e que os que não conseguem ver criticamente são agradavelmente agraciados pela graça da aceitação covarde dos que tem teto de vidro. Vidro fino, claro e caro.

Não consigo mais suportar os eventos religiosos promovidos como se fossem, cada um, a última marcação na agenda divina. O gênio divino contratado para estar na data, na hora e no local certo (ou errado?) para fazer exatamente o que se contratou. Façam-me um favor: excluam-me! Poupem-me! Estou cansado, preciso estar assim.

Cansei-me das doutrinas, opiniões, teologismos, absolutismo, inquestionabilidades, dogmas, revelações, carismatismo, tradicionalismo, pentecostalismos, “neoqualquercoisalismo”. Cansei das disputas entre “ismos”. Não me envolvam em nenhum. Cansei da impossibilidade de estar na zona do dialogo, aceitação mútua. Cansei de qualquer postura que invalide o consenso.

Estou esgotado das santidades. Me aborrecem as santices enjoadas. Lugares e pessoas santas demais, eternamente descontentes com o pecado do outro, me deixam enfastiado. É em meio a pecadores como eu que me sinto mais à vontade. Pecadores se entendem, se respeitam e reconhecem que precisam melhorar. Santíssimos são estáticos, estão prontos. Vejo pecadores pedindo perdão e santos lançando-os no Inferno. Cansei-me do Inferno também.

Cansei-me de perceber que se não há nada a venda e não se oferece nada em troca, também não há generosidade e amor no dar. Hipocrisia me esgota, já que estes denunciam os mercadores da fé, mas não saem de suas feiras livres, onde se vende e compra tudo, mas é a alma humana o produto principal.

Esgota-me a incapacidade pessoal de se fazer o bem, sem fotos, sem propagandas, sendo apenas pelo bem do outro, sem ser notado. Cansei das frases prontas, das músicas que nada dizem, da pobreza das poesias de encomenda. Não consigo suportar as mensagens diametralmente opostas à vida, à realidade, ao pé no chão, à caminhada no Caminho.

Cansado, esgotado, mas renovado na esperança que o Justo está de pé.
Renovado pelo descanso no cuidado do Pai, sabendo que Ele não se cansa de mim e nem de ninguém. 
Nele me renovo e me refaço para a contínua caminhada na direção do descanso.


Em Jesus, nosso lugar seguro.
Saúde e Paz
Fabio

5 comments:

Chico Ribeiro said...

Quem já teve a oportunidade de te ouvir sabe bem do que você esta falando, Fábio.
Mas graças a Deus que sua força e ânimo não dependem daquilo que se vê nos arraiais religiosos.

Muita Paz !

Alexandre Peres Teixeira said...

É exatamente isto! Gostei do texto, lúcido e transparente! Assim como o evangelho deve ser!!

Ernandes Vieira Filho said...

Identificação total! Ufa não estou sozinho!Aleluia...

Antonio Silva said...

Mano, obrigado.
Não, vc não está sozinho.
Não nós não estamos sozinhos.

Abs fraternos!

Jones Heiderich Filho said...

"É meu somente meu todo o trabalho, e o seu trabalho é descansar em mim, "

Minha oração é pelos que ainda não se cansaram.